Magnata chinês convida sem-tetos dos EUA para almoço no Central Park

O magnata chinês do setor de reciclagem, que tenta comprar o prestigiado jornal New York Times Co, pretende banquetear 1.000 norte-americanos sem-teto, começando com um almoço no Central Park na próxima semana.

REUTERS

19 Junho 2014 | 20h38

Chen Guangbiao, que fez fortuna no negócio de reciclagem antes de se tornar um filantropo bem conhecido na China, publicou anúncios no New York Times e no Wall Street Journal na segunda-feira, convidando os pobres dos EUA para o almoço no tradicional restaurante Loeb Boathouse, localizado no parque.

Durante o almoço marcado para a próxima quarta-feira, Chen prometeu cantar para seus convidados "We Are the World", um hit lançado por dezenas de estrelas em 1985 para arrecadar fundos para combater a fome na África.

"Eu quero espalhar a mensagem nos EUA que há bons filantropos na China e que nem todos são loucos compradores de bens de luxo", disse Chen em entrevista sobre o almoço publicada no jornal South China Morning Post.

Após o almoço Central Park, Chen disse que oferecerá outros três almoços, como parte de seu plano para alimentar 1.000 norte-americanos pobres, disseram os organizadores.

A tentativa de Chen de comprar o New York Times da família Ochs-Sulzberger, dona do jornal há muitas gerações, é amplamente vista como quixotesca.

(Por Jonathan Allen)

Mais conteúdo sobre:
GENTE MAGNATA CHINES*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.