Madonna está muito ocupada para comparecer a tribunal de adoção

Madonna não vai comparecer à últimasessão do tribunal que decidirá sobre a sua adoção de umacriança do Malaui. Ela está muito ocupada com outroscompromissos, disse o advogado da cantora na terça-feira. A alta Corte espera aprovar o pedido de adoção do meninoDavid Banda, 2, durante a sessão, que ocorre na quinta-feira. Ogoverno de Malaui e o pai de David -- seu único parente vivo --aprovam a adoção. "Iremos ao tribunal na quinta-feira, mas Madonna não vaiestar lá", disse à Reuters Alan Chinula, advogado da cantora."O juiz indicou que não pode se opor à ausência dela durante asentença." Chinula disse que Madonna tinha "outros compromissos", masele se negou a especificar quais eram. Um oficial de justiça disse que o advogado de Madonna pediuo adiamento, o terceiro pedido deste tipo, porque sua cliente"tinha outros negócios para tratar". Ele confirmou que o juizpoderia prosseguir sem a cantora. A adoção foi polêmica. Há quem acuse o governo de ter feitovista grossa às leis que proíbem estrangeiros de adotaremcrianças no país, assolado por uma epidemia de Aids que deixoumais de 1 milhão de órfãos. O Comitê Consultivo de Direitos Humanos, o crítico maisferoz de Madonna, disse na segunda-feira que não se interessamais pelo caso e mão vai mais impor nenhum obstáculo à adoção. Madonna deu início ao processo de adoção em 2006. Davidvive com ela e o marido, o diretor Guy Ritchie, desde então.Quando foi levado, David tinha 13 meses de idade. Ele foideixado em um orfanato pelo pai, depois que sua mãe morreu. Yohane Banda, pai do menino, disse à Reuters Televisionnesta semana: "É isso o que eu quero, que Madonna fique com acriança."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.