Lygia Fagundes Telles recebe título da UnB

A romancista e contista Lygia Fagundes Telles recebe nesta quarta-feira o título de Doutora Honoris Causa da Universidade de Brasília (UnB), pela sua contribuição à literatura brasileira, com uma homenagem à escritora no Centro Universitário da UnB, às 20h. Várias outras personalidades da literatura e das artes brasileiras já receberam o título na UnB, entre elas o escritor Jorge Amado, o artista plástico Athos Bulcão e o arquiteto Oscar Niemeyer.Lygia nasceu em São Paulo, em 1923, e formou-se em advocacia. Foi procuradora do Estado, presidente da Fundação Cinemateca Brasileira e vice-presidente da União Brasileira de Escritores. Lygia entrou para a Academia Brasileira de Letras em 1985. Em debates e conferências no exterior, Lygia ajudou a divulgar a literatura brasileira.Entre as obras da escritora, estão os romances Ciranda de Pedra, Verão no Aquário e As Horas Nuas. Lygia se destacou no cenário da literatura brasileira também com diversos contos, reunidos em coletâneas como Filhos Pródigos, A Estrutura da Bolha de Sabão, Antes do Baile Verde e A Noite Escura e mais Eu. Lygia ganhou vários prêmios literários entre eles o Prêmio Guimarães Rosa (1972), Prêmio Jabuti, da Câmara Brasileira do Livro (1980), Prêmo Coelho Neto, da Academia Brasileira de Letras (1973) e Prêmio Pedro Nava, de melhor livro do ano (1989).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.