Lula, Bono e Spielberg são indicados a prêmio de Gorbachev

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o músico Bono e o co-fundador do Google Sergey Brin foram indicados para um novo prêmio criado pelo ex-presidente da União Soviética Mikhail Gorbachev para celebrar seu 80o aniversário, informaram os organizadores.

REUTERS

11 de março de 2011 | 17h23

O prêmio "Mikhail Gorbachev: o homem que mudou o mundo" será concedido a personalidades relacionadas a três políticas de Gorbachev cujos nomes se tornaram populares durante seu mandato.

As homenagens serão concedidas nas categorias glasnost (abertura), perestroika (reestruturação) e uskorenie (aceleração) em cerimônia em Londres em 30 de março.

"Este é um prêmio para aqueles que demonstraram ser pessoas capazes de mudar o mundo para o melhor", disse Gorbachev, que completou 80 anos em 2 de março.

Outros indicados incluem o diretor e produtor Steven Spielberg; o criador da CNN Ted Turner; e Martin Cooper, que desenvolveu o primeiro telefone celular do mundo.

(Reportagem de Amie Ferris-Rotman)

Tudo o que sabemos sobre:
GENTEPREMIOGORBACHEV*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.