Luisa Mell ganha programa na Rede TV!

À primeira vista, Luisa Mell, de 23 anos, parece mais uma daquelas loirinhas da televisão, que já foi modelo e atriz e hoje é apresentadora. Mas a trajetória da garota, que ganha um programa no próximo domingo, Late Show, na Rede TV!, revela que a aparência não é a única qualidade de Luisa.Apresentadora também dos programas TV Fama e Black Brasil, Luisa ganhou destaque na Rede TV! durante o Carnaval deste ano. Até então, ela era repórter do programa Noite Afora apresentado por Monique Evans. Numa das noites, Monique e Luciana Gimenez, também da emissora, não puderam fazer a cobertura do camarote da Brahma porque iam desfilar na Grande Rio. Luisa foi convocada, aumentou o Ibope e chamou atenção da direção da TV.Em pouco tempo deixou de ser repórter e ficou à frente dos dois outros programas. Foi ela quem tomou o lugar da então apresentadora do TV Fama, Janaína Barbosa - que, ao se levantar da cadeira para casar com o apresentador Otávio Mesquita, nunca mais reencontrou a vaga.A verdade é que uma série de fatores contribuíram para o sucesso repentino de Luisa. O primeiro: seus dotes físicos. Luisa tem um sorriso largo, cabelos com reflexo loiro e um corpo bem desenhado (embora ela garanta que já pesou dez quilos a mais que os 49 atuais, tenha feito lipoaspiração na barriga para ganhar mais cintura e viva à base de balas porque não come nada para manter o corpinho).Luisa é advogada formada pelo Mackenzie, entrou na faculdade aos 17 anos e aos 21 já tinha o diploma. Aos 15 anos começou a trabalhar com o diretor José Celso Martinez Correa e há quatro anos passou no concorrido teste para a preparação de atores do diretor Antunes Filho, com quem estudou por dois anos. Outro detalhe importante para que tenha se tornado artista: o pai dela, Papa Camargo, sempre trabalhou em televisão como redator de vários programas do SBT e da Globo; agora, ele escreve o roteiro do Late Show.Os laços familiares, ela garante, não lhe ajudaram a entrar na TV. "Meu pai dizia que eu tinha de conseguir o que queria sozinha". Foi quando Papa trabalhava no programa do Gugu Liberato que Luisa entrou pela primeira vez num estúdio. A mãe também está diretamente ligada à sua carreira. Sandra Camargo é a assessora de imprensa de Luisa. Sobre o amor, Luisa diz que namora o mesmo rapaz (que não revela o nome) há vários anos. Ela começou a trabalhar aos 10 anos A garota diz que sempre foi muito cobrada pelos pais. "Eles exigiam um bom desempenho meu desde que estava na escola." Filha mais velha do casal, Luisa tem uma irmã de 16 anos, chamada Taís. Nasceu em São Paulo e foi criada no Bom Retiro. Na escola, era uma das primeiras alunas da classe. "Mas conversava demais e os professores não sabiam como me cobrar porque ia bem nas provas."Luisa garante que começou a trabalhar aos 10 anos. Nunca faltou nada em sua casa, mas ela queria ter seu próprio dinheiro. Começou então a vender pão-de-mel com uma amiga. "A gente comprava o doce e o revendia de loja em loja no Bom Retiro". O Mell de seu nome vem desta época.Na verdade, Luisa se chama Mariana Camargo. Ela não gosta de revelar seu verdadeiro nome e diz que escolheu Luisa em homenagem à avó, que morreu atropelada há dois anos. "Fiquei muito chocada. Ela saiu para fazer compras e morreu. Não gosto de falar nisso, mas foi por esta razão que resolvi mudar meu nome artístico." A jovem recorreu a uma numeróloga que sugeriu o Luisa com "s" e Mell com dois "elles".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.