Longe da TV, Monique Evans quer ficar feia e anônima

A Igreja Bola de Neve mudou mesmo a cabeça de Monique Evans. Depois de declarar, há duas semanas, que estaria abandonando o Noite Afora - seu programa diário que fala sobre sexo nas madrugadas da RedeTV! - agora Monique quer deixar de ser até famosa. "Eu estou de férias de tudo. Não quero mais me maquiar, quero ser a pessoa mais feia possível aqui em casa", disse ela. "Sabe quando você anda na rua e não é reconhecido? Então, eu quero isso", acrescentou.Monique revelou ao JT que sua experiência na RedeTV! nos últimos meses foi "traumática". "Estou com síndrome de pânico. Tive vários problemas recentes e nem quero pensar em voltar para a televisão. Talvez nunca mais", disse. Há duas semanas, Monique anunciou no templo que estaria se afastando do programa da RedeTV! para seguir todos os preceitos da igreja evangélica. Depois do anúncio, Monique foi aplaudida de pé.O contrato da apresentadora com a RedeTV! vencia no final de maio. Segundo fontes da emissora, a direção chegou a propor que Monique gravasse até o final do contrato, mas ela foi irredutível. Os atritos com a RedeTV! teriam começado quando Monique tentou negociar um outro tipo de programa com a direção da casa. Mas, segundo a RedeTV!, a proposta não foi aceita porque seria necessário um tempo longe do Noite Afora para desvincular a imagem dela do programa que fala sobre sexo. Algumas pessoas ligadas à apresentadora dizem que o Noite Afora começou leve mas ficou apelativo ao longo do tempo. Elas atribuem a responsabilidade dessa mudança unicamente à Monique Evans. O Noite Afora foi gravado com a loira para ser exibido até o dia 15 de maio. Se, neste período, a RedeTV! não encontrar quem a substitua, deverão tirar da grade o programa por tempo indeterminado.

Agencia Estado,

06 de abril de 2004 | 09h47

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.