Livro e DVD reúnem 40 dos principais fotógrafos do País

Uma exposição na Fnac Pinheiros, em São Paulo, marca hoje o lançamento de uma caixa com dois livros e um DVD (Editora Tempo D?Imagem, R$ 99) que reúne 40 dos principais fotógrafos brasileiros, desde os pioneiros da fotografia experimental - Thomas Farkas - a nomes que conquistaram o mercado internacional como Sebastião Salgado. Os dois livros da caixa "Encontros com a Fotografia" trazem, em volumes separados, fotos dos autores e entrevistas com todos eles, inclusive uma das últimas do fotógrafo baiano Mário Cravo Neto (1947-2009). Ela está registrada no DVD dirigido por Maurício Valim, que documenta o encontro com os fotógrafos em seus lugares de origem. Uma equipe de oito pessoas percorreu 40 mil quilômetros durante três meses para realizar o projeto, coordenado pela gerente de Ação Cultural da Fnac Brasil, Soraya Lucato.

AE, Agencia Estado

22 de setembro de 2009 | 10h05

Concebido para marcar os dez anos de abertura da primeira Fnac no Brasil, em junho de 1999, o projeto exibe sua coleção de fotografia formada a cada exposição anual realizada nas galerias internas de suas lojas. A tradição, na França, começou há 55 anos, quando dois amigos, Max Théret e André Essel, abriram em sociedade a primeira loja Fnac num pequeno cômodo de 40 metros quadrados do boulevard Sebastopol. Amantes da fotografia, eles queriam comprar equipamentos com desconto e fundaram a empresa para fornecer materiais a uma cooperativa de fotógrafos, segundo o diretor de Comunicação da Fnac Brasil, Frederico Pabst. Hoje, as 142 lojas existentes no mundo, além dos equipamentos, vendem tiragens limitadas de grandes fotógrafos. É possível, segundo Pabst, que as oito lojas brasileiras - uma nona está a caminho - venham a fazer o mesmo.

O crescimento do mercado fotográfico e a expansão da atividade com o advento da câmera digital é um dos temas mais discutidos nas entrevistas, inclusive por Sebastião Salgado, que fez a primeira exposição da Fnac no Brasil há dez anos. "Outro tema frequente nas conversas é a preocupação documental dos fotógrafos brasileiros", revela a entrevistadora Simonetta Persichetti. "Narrando cidades, mostrando o homem do sertão brasileiro, as influências dos imigrantes, a beleza da sua natureza, a vida das periferias, esses fotógrafos revelam que há por trás disso um mito preso à construção cultural do País", observa a crítica, citando como exemplos as fotos de Mario Cravo Neto e Gustavo Moura.

Entre os 40 fotógrafos participantes do projeto Encontros com a Fotografia, que tem curadoria de Rosely Nakagawa, estão desde nomes conhecidos como Araquém Alcântara, Cristiano Mascaro, Luiz Braga e Walter Firmo até fotógrafos ocasionais como Zezão, grafiteiro que usa a câmera par registrar seus grafites na cidade. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Encontros com a Fotografia. Mostra e lançamento. Fnac Pinheiros. Av. Pedroso de Morais, 858. Tel. (011) 3579-2000. Hoje, às 19 h.

Tudo o que sabemos sobre:
fotografiaFnacexposição

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.