Livro de Jean Genet inspira a peça "Cachorro"

Da admiração do dramaturgo francêsJean Genet (1901-1966) pelo pintor e escultor suíço AlbertoGiacometti (1910-1986) nasceu o livro "O Ateliê de Giacometti",traduzido no Brasil pela artista plástica Célia Euvaldo epublicado pela Cosac Naif. Nesse livro, Genet analisa obrasdesse artista, entre elas a escultura "Cachorro", que é também onome do espetáculo que estréia sexta-feira no Instituto CulturalCapobianco. E que tem tudo a ver com toda essa história. A alemã Dea Loher inspirou-se no livro de Genet sobreGiacometti para escrever a peça "Cachorro". Apaixonados pelotexto, a atriz Irene Stefania - uma das musas do Cinema Novo - eo ator Edson D?Santana, formado no Arena, convidaram RobertoLage para a direção. Irene e Edson interpretam uma prostitutavelha e cega e um ladrão coxo. Este último, fica sabendo que noapartamento da velha estão obras de Giacometti. E resolveroubá-las. Mas acaba apaixonado pela cega. "Ao fim, uma história de amor, seria essa a tramabásica", diz Lage. "Mas há muito mais." Ele ressalta o tomsurrealista que contamina interpretações, e a forte cargapoética na relação desses dois personagens rústicos. E ainda aidéia desse artista/ladrão que rouba imagens para realizar suaobra. A longa ficha técnica sugere rigor nesse espetáculoencenado numa instalação criada pelo artista plástico JuanHenríquez, do grupo La Tintota. Instalação que poderá servisitada, mediante agendamento.Cachorro. 60 min. 12 anos. Instituto Capobianco. Rua Álvaro deCarvalho, 97, (11) 3237-1187. 6.ª e sáb., 21 h; dom., 20 h. R$40. Até 1.º/12

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.