Livro de Harry Potter é pirateado no Chile

O lançamento do livro Harry Potter yla Orden del Fénix, em espanhol, está previsto para novembro, masnas ruas de Santiago já é possível comprá-lo traduzido por cercade US$ 17. O comércio ilegal de produtos falsificados vem aumentando nasruas da capital chilena e vai de perfumes a CDs. No entanto, os"piratas" até agora não haviam se antecipado a vender livrostraduzidos ilegalmente.Harry Potter and the Order of Phoenix foi posto à venda emjunho em sua versão original em inglês. Eduardo Castillo, presidente da Câmara Chilena do Livro,disse hoje que "é evidente que por trás disto há uma indústriailegal muito organizada, uma máfia, porque é um negócioaltamente lucrativo". Castillo explicou que a versão pirateada do livro tem apenas770 páginas, enquanto que a versão em inglês tem 870. "É umengodo, pois a tradução em espanhol sempre aumenta (os livros)", disse. Os dirigentes da Câmara se reuniram hoje com o ministro daEconomia, Jorge Rodríguez, para solicitar uma maior fiscalizaçãocontra a pirataria literária. De acordo com dados recentes, apirataria de livros causa perdas anuais de cerca de US$ 42milhões às editoras chilenas, ou praticamente 20% de seufaturamento.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.