Lista de coisas irritantes em redes sociais

Desconhecido pedindo para ser seu amigo.

Marcelo Rubens Paiva, O Estado de S.Paulo

27 Dezembro 2014 | 02h04

Desconhecido pedindo para você segui-lo.

Desconhecido dando opinião gratuita.

Desconhecido polemizando com seus amigos.

Desconhecido com opiniões ideológicas gritantemente opostas às suas e de seus amigos, polemizando com opiniões gratuitas.

Briga ideológica na sua timeline.

Amigos discutindo no seu post e polemizando entre si.

Amigo que não gosta da sua ironia, num comentário que você fez na timeline dele, e te dá uma dura publicamente, para amigos dele.

Erros de corretor ortográfico.

Leões lambendo tratadores.

Reclamar de calor.

Desconhecido curtindo fotos suas postadas anos atrás.

Reclamar de frio.

Desconhecido curtindo posts postados anos atrás.

Reclamar da chuva.

Desconhecido comentando fotos suas que você detesta postadas anos atrás por um conhecido inconveniente.

Perfil com foto do casal abraçado.

Perfil com foto do casal na praia.

Leões lambendo cachorros.

Perfil com foto do casal em frente à Torre Eiffel.

Perfil com foto com o cachorro.

Perfil com foto do casal com o cachorro.

Perfil com foto do cachorro.

Perfil com foto de alguém da família Simpson.

De repente, se perceber numa conversa que te marcaram de que não tem ideia do que se trata.

Se perceber numa conversa que te marcaram que já rola há tempos, e você não consegue entender o começo.

Sair de conversas e levar uma dura, porque saiu da conversa.

Frases idiotas atribuídas a famosos, que certamente nunca as pronunciaram.

Pensamentos de autoajuda simplistas atribuídos a grandes personagens da literatura ou do pensamento contemporâneo.

Fotos de crueldade com animais.

Vídeos de crueldade com animais.

Discursos longos sobre crueldade com animais.

Discursos longos em que precisamos clicar no "ver mais" para continuar.

Denúncia contra barbeiragem no trânsito.

Denúncias contra maus-tratos de companhias aéreas em aeroportos.

Denúncias contra violações de bagagem.

Denúncias contra operadoras de celular.

Críticas a críticos jornalistas.

Réplicas a críticos jornalistas.

Fotos de paulistas no Rio.

Fotos de paulistas numa praia, em dia de semana.

Fotos do Rio de Janeiro postada por cariocas, para humilhar outros brasileiros.

Fotos que enganam a vista, cujas linhas e pontos parecem que estão se movendo, numa ilusão de ótica em que ficamos horas tentando entender, e não entendemos.

Vídeo de predadores sendo tolerantes, amáveis, maternais com espécies diferentes, suas caças.

Vídeo de animais teoricamente agressivos sendo tolerantes, amáveis, maternais com bebês.

Vídeo com elefantinho na água.

Descubra sua história familiar.

Que número você vê.

Abra um livro na página 40 e leia a décima frase, ela é a tradução da sua personalidade.

Fotos de uma festa com todos os seus amigos, à qual você não foi porque não foi convidado.

O drama de crianças no Oriente Médio.

O drama de crianças na África.

Fotos de formatura.

Fotos de festa de formatura.

Fotos de festa da firma de um amigo.

Americanos listando problemas de se viver no Brasil.

Franceses listando problemas de se viver no Rio.

Estrangeiros dando palpites sobre como vivemos e somos diferentes.

Foto do prato de bacalhau cozinhado em casa.

Elas respondem o que é um homem bom de cama.

Selfie de amigos de longa data, em que você não reconhece nenhum.

Fotos de alagamentos.

Fotos de ciclovias malfeitas.

Artista avisando que estará no Jô Soares naquela noite.

Artista anunciando que ganhou um prêmio.

Artista da TV contando que ganhou nota 10 da Patrícia Kogut (do Globo).

Foto da humildade do José Mujica.

Sugestão de amigo para aderir ao Linkedin.

Barbeiragem de russos em estradas.

Bebedeira de russos.

Russo brigando num casamento.

Apresentação de jazz da filha.

Fazendeiro tocando instrumento para gado.

Erro de português em algum cartaz.

Duplo sentido em algum cartaz.

Como conseguir cidadania italiana, portuguesa ou espanhola.

Vídeos de acrobacias com bicicletas, skates, paraquedismos e ginástica.

Velhos dançando.

Videocassetadas.

Vídeos longos.

Vídeos de gatos.

Vídeos do Chaves.

PS. Já devo ter postado a maioria da lista acima. Desculpe se te irritei.

*

Quer saber algo que me irrita muito? A expressão "filme de autor". Sei, é filme-cabeça, inteligente, que não se preocupa com as regras do mercado, não faz concessões, tem final abrupto, não segue uma curva dramática aristotélica, atores representando e improvisando sob regras do método, é cinema de verdade.

Mas o resto é o que, filme de peixeiro, comerciante, farsante, capitalista, de público? Quem faz um filme que vai bem na bilheteria não é autor? É impossível aliar sucesso comercial com qualidade autoral? Existe o filme de autor e o filme sem autor?

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.