Lindsay Lohan passa 84 minutos em prisão por álcool e drogas

Atriz já foi presa em julho; após primeira detenção, passou 2 meses num centro de reabilitação em Utah

Reuters,

16 de novembro de 2007 | 14h57

A atriz Lindsay Lohan entrou e saiu da prisão na quinta-feira, ficando apenas 84 minutos detida, por dirigir bêbada e por posse de cocaína, disse a polícia de Los Angeles. Lohan, 21 anos, foi condenada em agosto a passar um dia na prisão após admitir sua culpa nas acusações envolvendo drogas e álcool. O site do Departamento de Polícia do Condado de Los Angeles mostrou que Lohan deu entrada na prisão às 10h30 de quinta-feira (horário local) e foi libertada às 11h54. As condenações dizem respeito a uma perseguição de carro em julho e um acidente automobilístico em Beverly Hills em maio. Após sua prisão em julho, a atriz ingressou em um centro de reabilitação em Utah, onde passou dois meses. Lohan também foi sentenciada a 10 dias de trabalho comunitário, três anos de liberdade condicional e 18 meses em um programa de educação sobre consumo de álcool. Sentenças de prisão para crimes menores são geralmente reduzidas pelos delegados que administram as prisões de Los Angeles, devido à falta de espaço.

Tudo o que sabemos sobre:
Lindsay Lohanprisãodrogas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.