Lima Duarte volta à TV em novela da Globo

Lima Duarte está de volta à TV, mas empassagem rápida. Ele estará na novela Sabor da Paixão, comoo português Miguel Maria Coelho, pai de Letícia Spiller, mas sónos dez primeiros capítulos. Ele conta que esta deve ser sua 60.ª novela, em 52 anosde televisão. "Eu estava lá em 1950, quando Assis Chateaubriandinaugurou a TV na América Latina", diz ele. "Desde então,participei de todos seus momentos importantes, dirigindo, comona primeira versão de Direito de Nascer, ou atuando, como emO Bem Amado."Segundo ele, em 1972, quando Dias Gomes ia começar OBem Amado, inventou uma pequena participação para ele, ocangaceiro Zeca Diabo. "Minhas relações com a TV Globo estavampéssimas, porque havia dirigido a novela O Bofe, que não tinhadado certo", lembra o ator. "Só que o Zeca fez tanto sucessoque nunca mais saiu da novela."Só que agora Lima Duarte não tem mais tanta vontade detrabalhar em longas produções. "Eu moro no interior de SãoPaulo, em um sítio, e não tenho muita vontade de sair de lá",justifica. A não ser para viver personagens como o portuguêsMiguel, que foi inspirado em seu avô. "Ele era analfabeto e mepedia para ler o jornal, mas escondido, para ninguém saber queera eu quem lia. Era época da guerra e ele era fã do exércitoamericano. Quando havia uma notícia de retirada, ele ficavabravo comigo, dizia que eu estava lendo errado."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.