Aladim Monteiro/Divulgação
Aladim Monteiro/Divulgação

Leonardo Brício interpreta Quaderna em peça em SP

Personagem central de 'Romance d'A Pedra do Reino' está em peça que entra em cartaz nesta sexta-feira

AE, Agência Estado

08 Abril 2011 | 10h59

Espécie de Dom Quixote da caatinga, Dom Pedro Diniz Quaderna, personagem central de Romance d'A Pedra do Reino, uma das obras mais prestigiadas de Ariano Suassuna, retoma suas traquinagens em As Conchambranças de Quaderna, espetáculo que estreia nesta sexta-feira, 8, no Sesc Vila Mariana, em São Paulo. O texto, que ainda não foi publicado pelo autor, reúne duas histórias que são ligadas pela presença de Quaderna, que atua como personagem e também narrador da peça, vencedora do Prêmio Shell 2010 na categoria direção musical.

A primeira parte da montagem retrata o dilema de duas irmãs que estão prometidas. No dia do casamento, o noivo de uma delas percebe que, na verdade, está mais interessado na irmã de sua futura mulher. A mudança de ideia do moço rende uma grande confusão. Para tentar resolver o caso, Quaderna entra em cena. A segunda parte da trama foi inspirada numa notícia publicada num jornal nordestino. Depois de descobrir que o marido tinha uma amante, uma mulher faz um pacto com o diabo, que deve levar o casal para o inferno.

Inez Viana, que dirigiu Cavalgada à Pedra do Reino, documentário que mostra a festa de mesmo nome que acontece em São José do Belmonte (PE) e conta com a narração de Suassuna, assina a direção desta montagem. "Quando me convidaram para dirigir um espetáculo, eu fiz questão que fosse um texto do Ariano. Fui até o Recife e ele me deu esse texto, que foi montado apenas por grupos amadores", explica.

No palco, o ator Leonardo Brício dá vida a Quaderna e se diz apaixonado pela obra do dramaturgo.. "Quando eu dava aula, eu montei o Auto da Compadecida. O Quaderna é um malandro que tem todas as características das figuras de Suassuna", afirma.

A trilha sonora de Marcelo Neves, ganhador do Shell, é executada ao vivo por dois músicos que tocam violoncelo e rabeca e pelo elenco, que também canta. "Há dois momentos na peça que trazem poemas do autor que foram musicados", explica a diretora. As informações são do Jornal da Tarde.

SERVIÇO:

As Conchambranças de Quaderna

Sesc Vila Mariana - Rua Pelotas, 141. Tel. (11) 5080-3000

Sex. e sáb., às 21h. Dom., às 18h

Ingressos: R$ 24. Grátis nos dias 16 e 17/4

Censura: 14 anos

Até 1º/5

Mais conteúdo sobre:
teatroQuadernaAriano Suassuna

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.