León Ferrari lança livro na 27.ª Bienal de São Paulo

Após inaugurar exposição no início do mês na Pinacoteca do Estado, que traz suas 120 obras produzidas desde a década de 50, o artista argentino León Ferrari, nascido em Buenos Aires, lança, nesta terça-feira, na 27.ª Bienal de São Paulo, o livro "León Ferrari. Retrospectiva.". A obra, esgotada na Argentina, co-editada pela Cosac Naify e Pinacoteca do Estado de São Paulo, sai no País com textos do próprio artista, ensaios sobre sua obra e cronologia completa. O livro, ilustrado, tem textos de Aracy Amaral, Luis Felipe Noé, Luis Camnitzer, Néstor Garcia Canclini, Beatriz Sarlo e Regina Teixeira de Barros.27.ª Bienal de São Paulo. Parque do Ibirapuera - Portão 3. Hoje, às 19 horasLéon Ferrari na Pinacoteca do Estado. Pça. da Luz, 2, Luz, 3229-9844. 10h/18h (fecha 2.ª). R$ 4 (sáb. grátis). Até 26/11

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.