Leis de atração

Marte e Plutão em oposição; Lua cresce em Capricórnio

Oscar Quiroga, oscar.quiroga@estadao.com.br, O Estado de S.Paulo

10 de agosto de 2011 | 00h00

As leis de atração e magnetismo que operam no mundo físico não são as mesmas que regem o mundo espiritual. No mundo físico os opostos se atraem, mas no mundo espiritual são os semelhantes que se reúnem espontaneamente. Por isso, quando você quiser fazer contato com seres espirituais não eleve clamores doloridos de martírio, pois assim você só vai atrair entidades dessa natureza e sintonia. Se você quiser evocar a proteção e graça de seres espirituais elevados terá de fazer esforço mental e emocional para garantir uma ponta de alegria em seu coração e pensamentos; isso sim atrairá a atenção daqueles que você busca. Aqui na Terra os tempos atuais atemorizam, mas se você sucumbir ao medo atrairá suas dores. Trate tudo com divina indiferença e passará por este momento a salvo e cheio de graça.

ÁRIES 21-3 a 20-4

É hora de rever o roteiro que guia seus passos e atitudes, pois se este for bom ainda que o cenário atual não seja dos melhores sua alma estará segura e continuará progredindo. A vida não é cenário, é roteiro.

TOURO 21-4 a 20-5

Suas agruras não são exclusivas suas, muitas outras pessoas as compartilham porque fazem o certo num mundo que só parece promover o errado. O isolamento que isso provoca é só aparente, a turma da retidão é coesa.

GÊMEOS 21-5 a 20-6

Você não se encontra nessa situação por mera casualidade, todos os passos que deu, todas suas decisões, conscientes ou inconscientes, tudo se agregou e o somatório resulta na situação em que você se encontra agora.

CÂNCER 21-6 a 21-7

Todos fomos convencidos a achar que o medo nos protegeria e por ele evitaríamos os desastres. Porém, viver com medo é uma tragédia, a necessária experiência de aventurar-se na vida é soterrada pelo medo.

LEÃO 22-7 a 22-8

Só a teimosia seria capaz de evitar consertar o estrago feito pelos erros cometidos, só a teimosia. Este não é um momento qualquer da história, nossa humanidade é confrontada imediatamente com o resultado dos erros.

VIRGEM 23-8 a 22-9

Talvez não dê tempo para você mudar o repertório de atitudes, já que se tornou tão urgente tomá-las que não haveria tempo disponível para questioná-las ou mesmo modificá-las. Porém, uma demora seria propícia agora.

LIBRA 23-9 a 22-10

Como seria possível entender racionalmente os acontecimentos que se desenvolvem na atualidade sem sequer ter palavras corretas para definir as tendências? Nada seria mais necessário, agora, do que a fé, outrora desprezada.

ESCORPIÃO 23-10 a 21-11

Você pede sinais e inspiração e isso é disponível. Porém, nada nem ninguém pode obrigar sua alma a aceitar a verdade, essa é uma decisão íntima sobre a qual nenhuma intervenção externa servirá para indicar o caminho certo.

SAGITÁRIO 22-11 a 21-12

Nada é seguro e por isso tudo é aventura, um convite que evoca a natureza criativa de nossa humanidade. Poucos, porém, respondem com prontidão a esse convite, muitos veem isso com enfado e ressentimento.

CAPRICÓRNIO 22-12 a 20-1

Para levantar o voo que levará você para longe daqui e na direção do bem-estar desejado é necessário fortalecer as asas, pois de outra forma a viagem será curta e frustrante. Por isso, nada do que acontece agora é castigo.

AQUÁRIO 21-1 a 19-2

A dor experimentada ao contemplar o resultado dos erros que você eventualmente cometa não é um fim em si mesmo, mas o efeito da mão compassiva do destino convidando sua alma a se redimir e libertar do sofrimento.

PEIXES 20-2 a 20-3

Parece que restaram poucas pessoas favoráveis a você. Porém, na época atual é preferível poucas e boas pessoas a uma popularidade que reúna todas as almas irremediavelmente perdidas no tumulto que o mundo atual produz.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.