Keith Richards assina acordo para lançar biografia

Guitarrista dos Stones assina contrato de R$ 14 milhões para contar sua trajetória

Dean Goodman, REUTERS

31 de julho de 2007 | 19h11

Keith Richards, guitarrista dos Rolling Stones, assinou um contrato de mais de US$ 7 milhões (R$ 14 milhões), segundo fontes, para escrever uma autobiografia contando sua trajetória de menino de coro a dinossauro do rock. O lançamento está previsto para o segundo semestre de 2010, segundo a editora nova-iorquina Little, Brown and Co., sócia da britânica Weidenfeld & Nicolson nos direitos mundiais do livro em inglês.  A imprensa disse na terça-feira que uma disputa entre editoras acabou elevando o valor do contrato para mais de R$ 14 milhões, uma quantia surpreendente, já que livros sobre músicos não costumam vender muito. O lendário guitarrista Eric Clapton, por sua vez, teria recebido um adiantamento de US$ 5 milhões (R$ 10 milhões) por sua autobiografia, que ainda não foi lançada.  Richards, de 63 anos, terá a ajuda do escritor James Fox. Não será o primeiro stone a escrever uma autobiografia. O ex-baixista Bill Wyman lançou Stone Alone em 1990. O vocalista Mick Jagger começou a escrever a sua, mas logo ficou entendiado e abandonou a idéia."Keith Richards permaneceu no centro do furacão por quase 50 anos. Sua história, em suas próprias palavras - a banda, as canções, as turnês, a vida - serão o livro mais ansiosamente aguardado a sair dos gloriosos salões do rock and roll", disse o editor Michael Pietsch, da Little, Brown.

Tudo o que sabemos sobre:
Keith RichardsRolling Stones

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.