Justiça rejeita ação de PM contra "Casseta"

Campeã de processos na Globo, aturma do Casseta & Planeta deixou o pessoal do Jurídico da redemais aliviado esta semana. A Justiça rejeitou na terça-feira um recurso de um policialmilitar de Diadema em um processo contra os humoristas e a Globopor danos morais. A ação é só mais uma dentre cerca de 132movidas por policiais militares de Diadema contra a emissora. Osprofissionais alegam ter sido ofendidos pelos cassetas em piadassobre o episódio que envolve a chacina na Favela Naval, de1997. O fato de ter um recurso desses negado deu um certoalívio à Rede Globo. Essas decisões podem ter um efeito cascatana Justiça: se um processo é vencido pela emissora, os outrostambém podem ser, pois muitos deles são parecidos e envolvem amesma questão.A maioria dessas ações pede indenizaçõesmilionárias (cada uma gira em torno dos R$ 200 mil) por danosmorais. Essa não é a primeira vez que a liberdade de expressãoda turma do Casseta & Planeta causa problemas judiciais àGlobo. Os humoristas acumulam vários processos, entre eles umpedido de indenização por difamação movido pelo ex-presidenteFernando Collor de Mello, alvo de várias sátiras da trupe, eoutro da acusada de fraudar o INSS, Jorgina de Freitas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.