Júri chega a um veredicto no caso da morte de Michael Jackson

Decisão deve ser anunciada em breve; Conrad Murray pode pegar até quatro anos de prisão

estadão.com.br,

07 de novembro de 2011 | 17h27

SÃO PAULO - Após pouco mais oito horas de deliberação entre a última sexta-feira e o ínício da tarde desta segunda, o júri chegou a um veredicto no julgamento do médico Conrad Murray, acusado pelo homicídio culposo de Michael Jackson.

A decisão deve ser anunciada nas próximas horas, bem como a sentença do juiz. Murray pode pegar até quatro anos de prisão.

Na tarde da última quinta-feira, a promotoria solicitou ao júri o veredicto de culpabilidade, afirmando que as evidências que incriminam o médico eram "arrasadoras".

 

Na porta do tribunal, a movimentação de jornalistas, curiosos e fãs inconformados do astro pop é grande.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.