'Juno', azarão do Oscar 2008, estréia hoje nos cinemas

Não é fácil assistir a boas atuações de crianças e adolescentes no cinema. A grande maioria fala ou age como adulto - o que é sempre constrangedor. Mas vez ou outra Hollywood surpreende. No ano passado, Abigail Breslin foi a sensação do Oscar por sua atuação em Pequena Miss Sunshine. A produção quase independente foi o azarão da festa e acabou levando quatro indicações e duas estatuetas. Neste domingo, na festa de premiação do Oscar 2008, pode haver lugar para outro azarão, Juno, que estréia hoje os cinemas do País. Juno custou apenas US$ 7,5 milhões e arrecadou nada menos do que US$ 100 milhões só nos Estados Unidos, sendo o primeiro filme da Fox Searchlight Pictures a ultrapassar esta marca na história. O filme conta com quatro indicações ao Oscar - filme, diretor, roteiro original e atriz, para a adolescente Ellen Page. A academia não costuma premiar atrizes tão jovens, mas só a nominação já é um prêmio. As chances talvez recaiam para o roteiro original. Muito aplaudido no Globo de Ouro, Juno é um dos melhores filmes da safra recente a tratar da gravidez na adolescência, sem apelar para conservadorismos politicamente corretos, tampouco para pieguices ou escrachos. Juno (Ellen Page) acaba de fazer 16 anos e perde a virgindade com o amigo de classe Paulie Bleeker (Michael Cera). Eles se esquecem de usar camisinha e, bingo, a garota fica grávida. Mas o que torna a gravidez inesperada um roteiro fascinante é a personalidade da protagonista. Juno faz o tipo adolescente esperta, que acha que entende do mundo mais do que os adultos, mas está redondamente enganada. Mesmo assim, adora fazer tiradas sarcásticas sobre sua nova situação. Apesar do tom cômico, o desenvolvimento de sua maturidade dá ao filme um tom dramático no ponto certo. Mas o resto é assistir para ver como um tema tão corriqueiro do cinema ganhou uma nova e admirável roupagem. E não duvide se, na cena final, você deixar escapar uma lágrima ou outra. As informações são do Jornal da Tarde

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.