Juiz concede divórcio a Jane Fonda e Ted Turner

Um juiz da corte do condado de Fulton (EUA) concedeu hoje à atriz Jane Fonda o divórcio do fundador da rede de televisão norte-americana CNN, Ted Turner. O pedido foi feito oficialmente no mês passado. "Sinto-me triste", disse Fonda, de 63 anos, em um comunicado. "Vivemos juntos por 10 anos e sempre pensarei nele com carinho. Agora é tempo de seguir em frente e desejo o melhor para ele". Não foram revelados detalhes do acordo de divórcio. Os dois se casaram em dezembro de 1991. Em entrevista ao jornal The New York Times, publicada no mês passado, Turner afirmou que o fato de Fonda ter-se tornado uma fervorosa cristã contribuiu para o fim do casamento. "Foi um choque", disse ele.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.