Jovem cineasta vence festival de cinema em Roma

O cineasta canadense Jason Reitman, de 30 anos, diretor de Obrigado por Fumar, foi vencedor do Festival Internacional de Cinema de Roma, pelo filme Juno. Em sua segunda edição, o festival tem como jurados ''pessoas comuns'', em vez de cineastas e críticos. O presidente do júri, o cineasta bósnio Danis Tanovic, apenas orienta os responsáveis por decidir quem leva o troféu Marco Aurelio. O documentário Manda Bala, dirigido pelo americano Jason Kohn (filho de mãe brasileira e pai argentino), filmado no Brasil com equipe brasileira, levou Menção Especial no prêmio Cult, concedido pelo conglomerado de mídia Sky TV. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo

AE, Agencia Estado

29 Outubro 2007 | 12h18

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.