Jornalismo é tema de festival de cinema no Rio

Festival Internacional de Cinema de Arquivo começa com 'Terra em Transe', de Glauber Rocha

Roberta Pennafort, do Estadão,

07 de setembro de 2010 | 13h56

Começou nesta segunda-feira, 10, e vai até sexta-feira, 14, a edição 2007 do Recine, o Festival Internacional de Cinema de Arquivo. Realizado desde 2002 pelo Arquivo Nacional, no Rio, a série, este ano, tem o jornalismo como tema. Hoje, os destaques são Terra em Transe, de Glauber Rocha, e O Desafio, de Paulo Cesar Saraceni. Ambos têm jornalistas no centro da trama. Na terça, será exibido Doces Poderes, de Lúcia Murat.   Até o fim da semana, a programação, que começou com Giuseppe Bertolucci (Pasolini, nosso próximo, documentário até então inédito no Brasil), tem ainda Orson Welles (Cidadão Kane), Costa Gravas (O Quarto Poder), Woody Allen (A Era do Rádio) e Billy Wilder (A Montanha dos Sete Abutres). Antes dos longas, são mostrados cinejornais antigos com temáticas variadas, como os do Canal 100 e da Herbert Richers.   O Recine promove também uma mostra competitiva entre curta-metragens que se utilizam de imagens de arquivo. As sessões são ao ar livre, nos jardins internos e também no auditório do Arquivo. Durante o Recine, os espectadores poderão conhecer a história do jornal Correio da Manhã e seu papel na luta pela democracia no País - fotos do vasto acervo do Arquivo irão contar sua trajetória.   A Rádio MEC e o Instituto Nacional do Cinema Educativo (INCE), instituições que estão completando 70 anos, também serão homenageadas. Mais informações sobre o festival podem ser obtidas no site oficial.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.