Jornada estará na internet

A Jornada de Direito Autoral, realizada pelo MAM, Ministério da Cultura e Funarte, apresentou para o público (infelizmente, escasso) duas mesas-redondas. O primeiro debate, Direitos Autorais e Arte Contemporânea: Proteção x Acesso, contou com a participação de Guilherme Carboni, mestre e doutor em direito civil pela USP, advogado e professor; Patrícia Canetti, artista e criadora do site Canal Contemporâneo; e Salvador Ceglia Neto, da Ceglia Neto Advogados, que já representou a filha adotiva de Volpi e ainda familiares de Portinari, Tarsila, Lygia Clark e Brecheret. Já a segunda mesa foi formada por Fabiana Garreta, gerente da Associação Brasileira dos Direitos de Autores Visuais (Autvis), que apresentou a entidade particular criada em 2002 e que representa 500 artistas nacionais; Marcos Alves de Souza, do MinC, organizador da Consulta Pública pela Modernização da Lei de Direito Autoral; e pela historiadora e curadora Vanda Klabin. Segundo Felipe Chaimovich, as discussões, filmadas, brevemente estarão disponíveis na internet, no site do museu.

Camila Molina, O Estado de S.Paulo

06 de dezembro de 2010 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.