João Emanuel Carneiro muda final da novela 'A Favorita'

Autor admite ter mudado último capítulo, por conta de um provável espião que divulgou o desfecho original

Patrícia Villalba, de O Estado de S. Paulo,

15 de janeiro de 2009 | 18h23

Mais uma vez alvo de competentes bisbilhoteiros, o autor João Emanuel Carneiro admite que teve de mudar o capítulo da sua A Favorita, que vai ao ar nesta sexta-feira, 17, na Globo. "Mudei mais ou menos, e fiquei muito chateado com isso", disse ele ao Estado ontem. "A sucessão de acontecimentos estava na minha cabeça há muito tempo. Minhas novelas são bastante planejadas."   Veja também: A Favorita segue batendo recordes de audiência na reta final Encontro de Flora e Donatela bate recorde de audiência Patrícia Pillar conta como entendeu sua vilã, Flora, que virou favorita do público   João Emanuel é o tipo de autor que gosta de surpreender o público com reviravoltas e A Favorita era trama certa para isso. Por isso, sofreu com a especulação durante os sete meses em que ficou no ar. Lá pelo meio da trama, inclusive, um ator veterano chegou a plantar informações falsas nos bastidores, afim de desmascarar o provável espião.   No desfecho, Flora (Patrícia Pillar) receberá um tiro. No original, este tiro era dado pela própria filha dela, Lara (Mariana Ximenes). Agora, a vilã pode ser atingida por qualquer outro dos seus desafetos - e, olhe, não são poucos. Com boca de siri, obviamente, Carneiro não conta se Flora vai morrer ou não. Mas as informações dos bastidores são de que o autor, apesar do tiro, pretende punir a maldita com cadeia mesmo, não com a morte.

Tudo o que sabemos sobre:
'A Favorita'João Emanuel Carneiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.