JK Rowling impede publicação de livro russo

JK Rowling, autora da série de livros do bruxo Harry Potter, conseguiu impedir na justiça a publicação de um livro infantil russo que, segundo ela, é uma cópia de um livro seu. Agora, o russo Dmitry Yemets está proibido de publicar na Holanda uma tiragem de 7 mil exemplares de seu livro The Magic Double Bass, cuja personagem principal é uma garota com poderes de bruxa que se chama Tanya Grotter. A criadora de Harry Potter afirmou no tribunal que o livro do autor russo é uma cópia de Harry Potter e a Pedra Filosofal. O russo Yemets respondeu que seu livro era, na verdade, uma paródia do bruxo mirim. JK Rowling processou o autor russo junto da Warner Bros, que produziu os dois filmes já feitos com base nos livros de Harry Potter. A corte do distrito de Amsterdã concordou em impedir a publicação de 7 mil exemplares do livro de Yemets pela editora holandesa Byblos. Harry Potter e Tanya Grotter têm, de fato, muito em comum. Ambos são órfãos, donos de poderes mágicos, devem combater o mal e têm uma marca no rosto. As aventuras da pequena bruxa Tanya Grotter viraram sucesso na Rússia, onde o livro chegou às prateleiras e vendeu mais de 500 mil cópias. Yemets chegou a dizer que pretendia lançar oito livros de sua personagem. JK Rowling também já afirmara que faria sete livros de Harry Potter, um para cada ano que ele passaria na escola de bruxaria Hogwarts. Dmitry Yemets e a editora Bybos ainda podem recorrer.As informações são do site da BBC em português. Para ler o noticiário da BBC, que é parceira do estadao.com.br, clique aqui.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.