James Bond volta à adolescência em nova série

Antes de desenvolver charme, aptidão para salvar a civilização ocidental e o gosto por martínis, James Bond teve de penar na escola, como qualquer garoto de 13 anos. As aventuras do Bond adolescente serão contadas por Charlie Higson em dois livros encomendados pela editora Penguin, que detém os direitos sobre a famosa série de Ian Fleming, vertida com sucesso para o cinema.O escolhido para escrever a nova série de aventuras do agente 007 é ator e romancista. Higson ficou mais conhecido pelo humorístico de TV The Fast Show. Considera a proposta da Penguin irrecusável. "É uma oportunidade muito boa para se desprezar", disse ao jornal inglês The Independent. "Eu cresci com Bond. Tive de aceitar que nunca o farei nos cinemas, mas escrever sobre ele é até mais excitante."Conforme o jornal, ele já começou a trabalhar no primeiro livro, previsto para 2005. Ambientado nos anos 30, vai mostrar o futuro 007 lidando com a escola, a elitista Eton, e com a morte trágica dos pais, em um acidente com esquis. Entre suas primeiras aventuras, ainda sem licença para matar, o Bond teen vai viajar até um castelo remoto da Escócia, onde um rico americano conduz "experiências perturbadoras", conforme a editora.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.