EFE/Random House
EFE/Random House

Isabel Allende ganha Prêmio Nacional de Literatura no Chile

É autora de 'A Casa dos Espíritos', entre outros livros, que venderam 55 milhões de exemplares no mundo

EFE, AP

02 de setembro de 2010 | 14h05

A romancista Isabel Allende foi premiada nesta quinta, 2, com o Prêmio Nacional de Literatura 2010 no Chile, anunciou o ministro da Educação, Joaquín Lavín. Segundo Lavín, o jurado levou em conta que Isabel "foi reconhecida com várias distinções e tem revalorizado o papel do leitor".

 

"É sem dúvida o prêmio mais importante" que recebi em minha carreira", disse a autora falando por telefone de sua residência em San Rafael, ao norte de São Francisco, na Califórnia. Disse que chegou a chorar" ao receber a notícia e admitiu que "nunca" esperou receber tal prêmio.

 

Nascida en 1942, Isabel é a quarta mulher a conquistar o prêmio, que é entregue a cada dois anos, depois de Gabriela Mistral (1951), Marta Brunet (1961) e Marcela Paz (1982).

 

A autora de A Casa dos Espíritos, De Amor e de Sombra, Paula, entre outros livros que venderam 55 milhões de exemplares em todo o mundo, visitará seu país dentro de duas semanas para participar dos festejos pelo bicentenário na independência nacional, segundo a jornalista Delia Vergara que é grande amiga de Isabel e quem promoveu sua candidatura ao Prêmio Nacional de Literatura.

 

Por meio de uma videoconferência, a escritora agradeceu o prêmio, que além de um valor em dinheiro lhe dá uma pensão vitalícia do estado, e aproveitou para mandar "um abraço grande" aos 33 mineiros que estão a 700 metros de profundidade em uma mina de ouro e cobre no norte do país.

Tudo o que sabemos sobre:
Isabel Allende

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.