Irmãos Coen levam quatro Oscars na festa dos 80 anos

Onde os Fracos Não Têm Vez, dos irmãos Ethan e Joel Coen, foi o grande vitorioso ontem à noite na 80.ª cerimônia de entrega do Oscar, o prêmio da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood, em Los Angeles. O longa levou os prêmios de melhor filme, direção, roteiro adaptado e ator coadjuvante. Sangue Negro, o outro grande concorrente da noite, em oito categorias, só levou em duas: fotografia e melhor ator, para Daniel Day-Lewis. As primeiras duas horas da cerimônia privilegiou os prêmios técnicos. Com três estatuetas, "O Ultimato Bourne", de Paul Greengrass, levou os prêmios de melhor efeitos sonoros, melhor mixagem de som e melhor montagem. Outros filmes com mais de um prêmio eram Piaf - Hino ao Amor, de Olivier Dahan, vencedor nas categorias de melhor atriz (Marion Cotillard) e maquiagem. O Oscar de Marion foi o primeiro de uma atriz francesa desde que Simone Signoret foi premiada por Almas em Leilão, de Jack Clayton, há quase 50 anos - mas o filme antigo era em língua inglesa. A produção austríaca Os Falsários, de Stefan Ruzowitzky, que já havia sido premiada no Festival de Berlim de 2007, ganhou o Oscar de melhor filme estrangeiro. A estatueta de melhor roteiro original foi para Diablo Cody, por Juno. Algumas expectativas se confirmaram - Ratatouille, de Brad Bird, foi a melhor animação. O Oscar de fotografia foi atribuído a Sangue Negro. A melhor canção foi Slowly, de Glen Hansard e Marketa Irgova, do musical irlandês Once. O Oscar de efeitos visuais foi para A Bússola de Ouro. Duas categorias que o espectador brasileiro raramente confere - o melhor curta foi Le Mozart des Pickpockets, de Philippe Pollet-Villard, e o curta de animação foi Pedro e o Lobo, da dupla Hugh Welchman e Suzie Templeton. Haviam grandes perdedores - Desejo e Reparação, de Joe Wright, com apenas um prêmio, o de melhor partitura (para Dario Marianelli) e Sweeney Todd, o Demoníaco Barbeiro da Rua Fleet, de Tim Burton, que ganhou a estatueta de melhor direção artística. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo

AE, Agencia Estado

25 Fevereiro 2008 | 11h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.