<I>Pé na Jaca</I> estréia na Globo nesta segunda

Pé na Jaca estréia nesta segunda-feira na Globo, com Flávia Alessandra no papel da vilã Vanessa. Ela entrou no lugar de Luana Piovani, que reivindicava um salário maior. O autor Carlos Lombardi diz que não ficou ressentido com a mudança. ?Fiquei decepcionado, mas como não sou eu que decido a carreira dela, não sou eu que pago e nunca participei de nenhuma negociação, não estou ressentido?, diz o autor. ?Quando Mário Lúcio Vaz me falou que liberaria Flávia, que estava reservada para a novela do Walcyr Carrasco, vi que o problema estava resolvido.? Na história, a personagem que seria de Luana é casada com um ex-operador da bolsa de valores de São Paulo que se muda para uma curiosa cidade chamada Deus me Livre. Falido, Arthur (Murilo Benício) e a família tentam reconstruir o patrimônio na fazenda do tio dele, um agricultor que vive de plantar jacas. Flávia, que brilhou recentemente em Alma Gêmea como a vilã Cristina, está em alta na emissora. Apesar do bombardeio de críticas contra Fernanda Lima nos tempos de Bang Bang, ela também está escalada para Pé na Jaca. Desta vez, porém, interpreta ela mesma: uma modelo famosa, que vive promissora carreira internacional. A fiel escudeira da top é Pietra, uma assessora de imprensa vivida por Drica Moraes. Para o figurino dela, a equipe da Globo se inspirou na moda dos anos 60 e, sem qualquer modéstia, na inigualável Audrey Hepburn. As peças foram compradas em brechós de Paris.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.