Matt Dunham/AP - 08/05/2008
Matt Dunham/AP - 08/05/2008

Integrante do grupo Boyzone morre aos 33 anos

Corpo de Stephen Gately foi encontrado em hotel em Mallorca, onde ele passava as férias

Efe,

11 de outubro de 2009 | 10h02

Stephen Gately, integrante do grupo Boyzone, boyband irlandesa que fez sucesso nos anos 1990, morreu sábado na ilha espanhola de Mallorca, onde estava de férias com o marido, Andrew Cowles. O site do grupo, que se separou em 2000 e voltou a se reunir oito anos depois, diz que Gately, de 33 anos, "morreu de forma trágica" durante a noite.

 

O anúncio da morte do cantor causou comoção no Reino Unido e na Irlanda. Os outros integrantes da banda disseram que neste domingo mesmo seguiriam para a Espanha para se inteirar do ocorrido. O Boyzone fez muito sucesso na Europa na década de 1990, quando vendeu mais singles que o Take That.

 

Até o momento, as circunstâncias do falecimento de Gately não foram esclarecidas. Mas fontes da Polícia de Andratx (Mallorca) disseram à Agência Efe que o artista morreu em um apartamento na região turística de Cala Llamp.

 

O editor da seção de espetáculos do jornal News of the World, Dan Wootton, disse à BBC que Gately saiu com o marido na noite de sábado e, depois de voltar e dormir, não acordou mais.

 

Louis Walsh, empresário da banda, disse ter ficado abalado com a notícia, mas que não tinha detalhes do que aconteceu. "Estou em estado de choque. Estive com ele na segunda-feira em uma cerimônia de entrega de prêmios. Não sabemos muito sobre o que aconteceu", declarou Walsh, segundo quem Gately "era um grande homem".

  

Em junho de 1999, um ano antes de o grupo se separar, Gately assumiu sua homossexualidade e que namorava Andrew Cowles, com quem se casou em 2006, em uma cerimônia em Londres. Depois do fim do Boyzone, Gately seguiu carreira solo, emplacando três singles na lista dos 20 mais vendidos. Ele também fez várias participações em musicais de sucesso na capital britânica.

 

Stephen Gately, Keith Duffy, Shane Lynch, Ronan Keating and Mikey Graham em evento em Londres

 

O cantor Elton John se pronunciou sobre a morte do colega, a quem se referiu como uma pessoa "doce e amável". "Eu e David (Furnish, marido de Elton) ficamos atordoados com esta tragédia. Enviamos nosso amor e condolências a seu companheiro Andy e a todos os seus amigos no mundo todo".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.