Imagem e essência

O Sol ingressa em Escorpião, Marte e Urano estão em trígono; a Lua ainda Cheia transita por Touro.

astro@0-quiroga.com, O Estado de S.Paulo

23 de outubro de 2010 | 00h00

É impossível saciar a sede de uma árvore molhando suas folhas, ninguém em seu são juízo faria isso. Isso leva a crer que nossa humanidade tenha perdido o juízo, já que prefere acreditar mais na imagem das coisas e pessoas do que na essência delas. A incongruência entre a imagem e a essência é normal, todos sofremos um pouco disso, porém, este é um dos casos em que a normalidade não deve ser tomada como referência do que é saudável. Enquanto a essência, que é a verdade fundamental de um indivíduo, não for alimentada com os devidos fatos, nossa humanidade continuará se enveredando por existências mentirosas e ilusórias, uma perda de tempo fatal para um momento tão importante de nossa história. As raízes absorvem o alimento, não as folhas.

ÁRIES 21-3 a 20-4

Você recuperará a necessária margem de manobra para tomar decisões importantes e, assim, o clima de suspense que se alastrou por longos meses terá chegado ao fim. Outro ciclo diferente começa a partir de agora.

TOURO 21-4 a 20-5

Nada está decidido, ainda há muito jogo pela frente. Porém, certas tendências que até agora eram inimagináveis se desenham como perspectiva real e concreta. Manobrar para mudar, isso não será nada fácil.

GÊMEOS 21-5 a 20-6

Quando se reúnem várias pessoas, certamente haverá complicações. Porém, que razão haveria para preservar a simplicidade evitando a teia de relacionamentos? Somente se for para se manter aquém das possibilidades.

CÂNCER 21-6 a 21-7

Sempre haverá uma lógica nos acontecimentos, ainda que muitas vezes essa seja difícil de desvendar. Porém, não tente reduzir o Universo à sua lógica, porque dessa forma perderá o melhor que se pode experimentar.

LEÃO 22-7 a 22-8

É impossível progredir sem aventurar-se, mas também é necessário preservar em segurança tudo que já foi conquistado. Como se resolveria esse aparente paradoxo? A fórmula é difícil, mas parece que você vai resolvê-la.

VIRGEM 23-8 a 22-9

Nada deve ser controlado a partir de agora, mas, pelo contrário, tudo deve ser permitido. É que começa um período de movimentos misteriosos, daqueles que não permitem controle, mas exigem confiança.

LIBRA 23-9 a 22-10

Cumpra sua função com o maior desapego possível, porque como o principal ingrediente do momento é constituído por pessoas, nada se pode dar por sabido. Apenas faça a sua parte e confie que as outras pessoas farão a delas.

ESCORPIÃO 23-10 a 21-11

Na hora de discutir, todo mundo tem fogo e vontade de participar. Na hora de arregaçar as mangas e batalhar para tornar concretas as ideias, aí as pessoas estão sempre ocupadas com outras coisas, outras conversas.

SAGITÁRIO 22-11 a 21-12

Além de saudável, é

sábio aceitar as limitações e concordar com que nem tudo pode ser controlado. Isso é sábio porque significa entregar-se ao Altíssimo, aquele que resiste a toda análise e fica além da compreensão.

CAPRICÓRNIO 22-12 a 20-1

Despreocupe-se! Você já fez muita coisa e agora será necessário deixar amadurecer os eventos que foram colocados em marcha. Para isso, você deve recolher-se e aquietar-se, observando tudo com distanciamento.

AQUÁRIO 21-1 a 19-2

Supere o mais rapidamente possível as limitações provocadas pelos erros que você cometeu, pois, não há tempo para culpas. Esse tempo precisa ser investido na superação das limitações e na prática do que deve ser feito.

PEIXES 20-2 a 20-3

Preste serviço aos ideais mais elevados, nobres e dignos que você consiga imaginar, supere as limitações impostas pelo egoísmo. Gaste menos tempo pensando em seu particular prazer, pense no bem das futuras gerações.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.