Hugh Laurie, astro de 'House', mostra seu lado musical em Londres

Ator tocou ao vivo as canções do disco' Let them talk', que marca sua estreia como cantor de blues

Efe,

05 de maio de 2011 | 15h45

Londres, 5 mai (EFE).- Hugh Laurie, protagonista da série de TV House, trocou na noite desta quarta-feira o jaleco de médico por um terno cinza para subir ao palco da Union Chapel, em Londres, e tocar ao vivo as canções do disco Let them talk, que marca sua estreia como cantor de blues.

Acompanhado por um quarteto no qual se destaca o guitarrista canadense Kevin Bright, Laurie interpretou durante 1h30 clássicos de Ray Charles, Robert Johnson e Mepmphis Slim.

"Estou tão feliz por tocar em Londres pela primeira vez que poderia explodir", disse o ator, cujo disco começará a ser vendido em 10 de maio.

Laurie circulou em meio ao público antes de subir ao palco, instalado onde normalmente fica o altar da igreja, e se sentar-se ao piano de cauda, que impedia que o astro da noite fosse visto pelos fãs sentados nas primeiras fileiras.

"Peçam o dinheiro do ingresso de volta ou paguem um pouco mais", brincou o ator mais bem pago da TV americana.

Laurie trocou o piano por uma guitarra para interpretar o primeiro single de seu disco, uma versão do blues You don't know my mind, de Doc Watson.

Após tomar um gole de uísque com a banda para "se animar" e pedir que a iluminação da igreja fosse um pouco aumentada, "pagamos a luz", disse, o ator deu início a parte mais animada do show, na qual os demais integrantes de sua banda puderam mostrar suas aptidões: Michael Blair na percussão; David Pelch no contrabaixo; Vincent Henry no saxofone; e Patrick Warren nos teclados.

O concerto de Londres faz parte de uma curta turnê europeia com sete shows agendados pela Alemanha, França e Reino Unido.

Laurie não é o primeiro ator americano que tenta ingressar no mundo da música. Estrelas como Johnny Depp, Russell Crow, Keanu Reeves e Eddie Murphy também já tentaram, mas não obtiveram muito êxito.

Já outros alcançaram certo destaque, como o diretor Woody Allen, que toca clarinete regularmente em Manhattan, e o humorista Steve Martin, que apresentou seu primeiro álbum, The Crow, aos 63 anos de idade. EFE

Tudo o que sabemos sobre:
músicaHouse

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.