Hospitalizado, cantor George Michael mostra 'melhora'

A saúde do cantor britânico George Michael está melhorando, informaram os médicos que estão tratando dele em Viena por causa de uma pneumonia, em comunicado nesta quarta-feira.

REUTERS

30 de novembro de 2011 | 11h31

O ex-vocalista da Wham!, de 48 anos, foi internado na capital austríaca e diagnosticado com pneumonia grave, forçando-o a cancelar o restante de sua turnê europeia.

"O mais recente desdobramento no caso do Sr. Michael - que evoluiu de uma infecção pneumocócica grave - necessitava de cuidados intensivos devido à sua gravidade e extensão", disseram os professores Gottfried Locker e Christoph Zielinski.

"Estamos felizes em anunciar que o Sr. Michael está melhorando constantemente, com uma regressão impressionante dos sintomas da pneumonia e segue um ritmo constante de melhoria como se esperava. Como dissemos anteriormente, repouso absoluto e paz e sossego são obrigatórios."

Os médicos também pareceram responder à especulação nos tablóides britânicos de que Michael estava sofrendo mais complicações de saúde, potencialmente graves, e que ele estava recebendo tratamento excepcional durante a sua estada no Hospital Geral de Viena.

"Não há outros problemas de saúde com relação ao paciente que não seja o distúrbio pneumônico, e nenhuma outra medida teve que ser tomada", disseram eles.

"Michael está recebendo exatamente o mesmo tratamento que qualquer paciente comum na Áustria receberia no hospital para esta doença."

(Reportagem de Mike Collett-White)

Tudo o que sabemos sobre:
GENTEGEORGEMICHAELMELHORA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.