Hoje sai o vencedor do "Big Brother"

Você não vai precisar mais acompanhar as enfadonhas "provas do líder", nem as festinhas temáticas, cheias de fantasias de teatrinho escolar e alguns porres indigestos. Também não terá de ouvir a baianinha Elane cantando qual taquara rachada, tampouco acompanhar as intermináveis sessões de malhação dos desocupados enquanto engorda comendo pipoca e chocolate na frente da TV. Vença quem vencer o Big Brother na noite de hoje, quem vai sair ganhando será o telespectador, já que ficar livre do dia-a-dia daquele monte de anônimos que viram celebridades de uma hora para outra não deixa de ser um alívio. Melhor: a despedida de hoje é a última, e não haverá mais aqueles abraços tão falsos quanto as torcidas. Para muita gente é difícil entender como a rotina doméstica de um bando de gente que não faz nada o dia todo pode atrair tanta atenção - coisa de 40 pontos no Ibope, de média. Para alguns críticos, a justificativa é a paixão do brasileiro por tudo o que vem em capítulos - e assim se romanceia a rotina oca dos big brothers com a ´criação´ de ´máfias´, ´romances´, ´amizades´, para se inventar uma trama a ser seguida, como uma novelinha da vida real. Pedro Bial, o apresentador, se encarrega dessa função de narrador. Passou o programa cutucando Dhomini, o ´conquistador´, por conta dos boatos envolvendo o moço do lado de fora da casa, e enaltecendo a capacidade de ´aprendizado´ de Elane, "que veio de uma realidade tão diferente e aprendeu tanto". Aprendeu o quê? A fazer ginástica? De verdadeiro, no BBB, só mesmo o dinheiro que o povo gasta ligando para lá a cada paredão. Cada ligação para o 0300 custa R$ 0,27, mais impostos. Esta temporada foi marcada por polêmicas sobre a lisura do processo de eliminação dos candidatos, com suspeitas de fraude, todas refutadas por Boninho, diretor do programa. "Milhões de pessoas podem não concordar com os resultados e, para falar a verdade, eu também não. Torci muito para a Joseane ficar, mas no meu computador os dados disserem que ela deveria sair e foi o que informei ao Pedro Bial", declarou ele ao JT na época do paredão de Dhomini com Alan, que teria registrado 20 milhões de votos. Até que Boninho comece tudo de novo, a vida ao vivo na tevê terá alguns meses de trégua. Só para constar: Dhomini, ontem, tinha 68% do eleitorado na Internet. Esse BBB foi uma barbada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.