Hoje mais recluso, músico foi premiado nos anos 1970

Mesmo saindo poucas vezes de sua fazenda no interior da Bahia, Elomar venceu prêmios importantes. Os álbuns Na Quadrada das Águas Perdidas e Dos Confins do Sertão receberam, respectivamente, as premiações de melhor disco da década de 1970, pela Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA), e o de melhor disco estrangeiro não europeu no festival Ibero-americano de 1987, na Alemanha.

Julio Maria, O Estado de S.Paulo

09 Janeiro 2014 | 02h06

Seu livro de partituras, Elomar Cancioneiro, traz, além das 49 partituras, um caderno de letras e notas de edição, além de um material sobre o artista e seu universo sonoro, de autoria do jornalista João Paulo Cunha. "Pensamos que era importante anotar a forma correta como são executadas suas canções. Há uma sofisticação que foge aos padrões da música popular brasileira", diz o filho, João Omar.

Notícias relacionadas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.