Hawks, brilho no humor e no filme noir

Hawks, brilho no humor e no filme noir

Superman IV ? em Busca da Paz

Luiz Carlos Merten, O Estado de S.Paulo

06 de abril de 2010 | 00h00

14H15 NO SBT

(Superman IV). EUA, 1987. Direção de Sidney J. Furie, com Christopher Reeve, Gene Hackman, Jackie Cooper, Marc McClure, Jon Cryer, Sam Wanamaker, Mariel Hemingway, Margot Kidder, Jim Broadbent.

No quarto filme da série, Lex Luthor fabrica um homem com a mesma estrutura molecular de Superman, portanto, com os mesmos poderes. A ideia é lançá-lo contra o Homem de Aço, claro. Apesar do empenho de Christopher Reeve ? e do prazer com que Gene Hackman encarna o vilão ?, a pobreza de efeitos e o estilo do diretor Furie, que sacrifica qualquer relato ao seu fascínio por planos próximos, fizeram do cartaz do SBT um fiasco que encerrou a franquia. Reprise, colorido, 90 min.

O Pequeno Stuart Little 2

16H05 NA GLOBO

(Stuart Little 2). EUA, 2002. Direção de Rob Minkoff, com Geena Davis, Hugh Laurie, Jonathan Lipnicki, Anna Hoelck, Ashley Hoelck, Marc John Jeffries.

No segundo filme da série, o pequeno Stuart salva fêmea de passarinho do ataque de um gavião e a leva para morar com a família. Apesar das diferenças, o ratinho apaixona-se pela ave, mas o gavião volta ao ataque e Stuart Little ganha um inesperado apoio do gato, seu inimigo no filme anterior. Continua divertido, mas o primeiro filme, talvez pela novidade, era melhor. Reprise, colorido, 75 min.

A Hora do Rush 3

22H15 NO SBT

(Rush Hour 3). EUA, 2007. Direção de Brett Ratner, com Jackie Chan, Chris Tucker, Yvan Attal, Tzi Ma.

Jackie Chan e seu parceiro Cris Tucker viajam para Paris, a fim de ajudar embaixador chinês que corre perigo ao tentar revelar a identidade do cérebro criminoso da Tríade. Chan e Tucker investem na mesma linha da violência com humor. Embora não seja especial, o programa deixa-se ver sem esforço. Reprise, colorido, 90 min.

Intercine

1H50 NA GLOBO

A emissora exibe o preferido do público entre ? O Pagamento, ação vertiginosa de John Woo, com Ben Affleck, Aaron Eckhart, Uma Thurman e Paul Giamatti, sobre desmemoriado que previu o futuro e se dotou de elementos para tentar salvar a si mesmo (e o mundo); e Ali, poderoso drama de Michael Mann, com Will Smith no papel do lendário pugilista Cassius Clay, aliás, Muhammad Ali; também com Jamie Foxx, Jon Voight, Mario Van Peebles, Ron Silver e Jada Pinkett Smith.

Amanhã

A Globo exibe amanhã, no Intercine, o preferido do público entre ? A Gangue Está em Campo, de Phil Joanou, com Dwayne Johnson como frustrado oficial de Justiça criminal de adolescentes que tem a chance de sua vida ao formar grupo esportivo com jovens rebeldes e carentes (EUA, 2006, fone 0800-70-9011); e Amor a Três, de Rob Hardy, com Gary Dourdan, Gretchen Palmer, Kenya Moore e Soloman K Smith, sobre advogado que resolve incrementar seu casamento incorporando outra mulher à relação, mas se você viu Atração Fatal sabe que as consequências podem ser trágicas (EUA, 2000, fone 0800-70-9012).

TV Paga

O Inventor da Mocidade

11H10 NO TELECINE CULT

(The Monkey Business). EUA, 1952. Direção de Howard Hawks, com Cary Grant, Ginger Rogers, Marilyn Monroe, Charles Coburn.

Hawks foi um grande diretor que deixou a marca de seu gênio impressa em diversos gêneros. A TV, coincidentemente, exibe hoje duas de suas obras-primas. A primeira é esta comédia sobre cientista obcecado em criar a fórmula do rejuvenescimento. Cary Grant só atinge seu objetivo quando uma de suas cobaias, um macaco, foge da jaula e mistura ingredientes. Repare na jovem Marilyn. Ela já era um assombro, confira. Reprise, preto e branco, 97 min.

Frenesi

17H25 NO TELECINE CUIT

(Frenzy). Inglaterra, 1972. Direção de Alfred Hitchcock, com Jon Finch, Barry Foster, Alec McCowan, Anne Massey, Billie Whitelaw.

O penúltimo filme de Hitchcock marcou o retorno do mestre à Inglaterra. O suspense constrói-se em torno ao tema do homem errado, que tanto atraía o grande diretor. Jon Finch é perseguido pela polícia, suspeito de assassinatos de mulheres que estão sendo cometidos por Barry Foster. O plano sequência após a morte, quando a câmera deixa o quarto e ganha a rua, é coisa de gênio. Reprise, colorido, 116 min.

À Beira do Abismo

22 H NO TCM

(The Big Sleep). EUA, 1946. Direção de Howard Hawks, com Humphrey Bogart, Lauren Bacall, Martha Vickers, Charles Waldron, Elisha Cook Jr.

Hawks era o primeiro a dizer que nunca entendeu direito a trama do livro de Raymond Chandler ? nem o roteiro adaptado por Leigh Brackett, Jules Furthman e William Faulkner (o próprio) ?, mas isso não o impediu de fazer este marco do chamado filme noir. Bogart faz detetive contratado por milionário para resgatar promissórias assinadas por sua filha. Fique esperto, ou então desencane da trama e curta o brilho da direção e dos diálogos, para não falar na alquimia entre Bogart e Bacall, que já estavam casados, na época (depois de se conhecerem em outro filme de Hawks, Uma Aventura na Martinica). Reprise, preto e branco, 114 min.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.