Gugu empenha-se na disputa por um canal de TV

Empenhado em ter canal próprio de TV, Gugu Liberato participa, atualmente, de três licitações para conseguir uma concessão de emissora em UHF. Em suas cartas de proposta à Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), Gugu assume a responsabilidade de, se ganhar a concessão, colocar o canal no ar em 30 dias.Segundo a assessoria do apresentador, tal promessa visa a garantir um diferencial entre Gugu e os demais candidatos, já que o prazo assegurado por ele não é habitual. Em 1999, Gugu perdeu a disputa por uma emissora em Santos e até agora o canal não entrou no ar.A intenção do apresentador é montar um canal de notícias voltado mais para as classes C e D. Enquanto a concessão não chega, Gugu prepara a mudança de seus negócios para Alphaville, no município de Barueri (São Paulo). A partir de outubro, todas as empresas de Gugu estarão concentradas lá, em uma única sede, comandadas pelo apresentador. Dois estúdios começam a ser construídos no local, um terreno de 9 mil metros quadrados.Os novos estúdios deverão abrigar as gravações da GPM, produtora do apresentador, e, mais adiante, da programação do canal do apresentador. Se a Anatel permitir, é claro.

Agencia Estado,

26 de setembro de 2001 | 11h07

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.