'Guardian' discute 'Tropa de Elite' e comete gafe sobre o Rio

Para jornal britânico, longa gravado na 'capital do Brasil' mostra a violência do 'verdadeiro' Rio de Janeiro

Agências internacionais,

07 de setembro de 2024 | 09h56

Com cenas que "poderiam parecer o noticiário noturno no Rio", o filme Tropa de Elite tomou o Brasil de assalto, antes mesmo de estrear, publica nesta segunda-feira, 24, o diário britânico The Guardian. "Baseado na vida das forças especiais que operam na capital do Brasil (sic), o filme já está se provando um dos mais polêmicos da história do País", afirma o jornal.   Veja também: Tropa de Elite estréia no Festival do Rio   A reportagem, citada pela BBC, diz que Tropa de Elite alega estar baseado em fatos e mostra cenas fortes de policiais torturando e matando traficantes de drogas. "Dezenas de milhares de cópias piratas foram distribuídas por vendedores ambulantes até na Amazônia, enquanto um grupo de oficiais da polícia tentou impedir seu lançamento", revela o Guardian.   "O Batalhão de Operações Especiais (Bope) se considera o 'crème-de-la-crème' das unidades de combate urbano. Alguns afirmam abertamente o desejo de testar suas habilidades no Iraque", afirma a reportagem.   O jornal comenta o fato de o logotipo do grupo ser uma caveira perfurada por um facão e que seu hino promete combater os inimigos "a qualquer hora, a qualquer custo".   "A imagem do Bope em Tropa de Elite, que inclui uma cena na qual um traficante é morto com um tiro de rifle na cabeça, foi considerada tão prejudicial por um grupo de policiais que eles tentaram obter um mandado banindo o filme das telas brasileiras", relata a reportagem.   O jornal observa que o pedido foi negado por um juiz que argumentou que o filme retratava "a realidade do dia-a-dia de boa parte das pessoas que vivem nesta cidade".   A reportagem também cita o governador do Rio, Sérgio Cabral, que descreveu o filme como "um excelente trabalho de cinematografia" que foi "fiel em mostrar os problemas sérios que enfrentamos em termos de segurança pública".

Tudo o que sabemos sobre:
Tropa de EliteThe Guardian

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.