Grupo premiado na Alemanha encena Kafka em SP

O Teatro do Centro da Terra traz este final de semana a São Paulo a Boa Companhia, grupo de Campinas que venceu, em julho, o Festival Internacional Arena-02, em Erlangen, na Alemanha. O espetáculo Primus é baseado no conto Comunicado Para Uma Academia, de Franz Kafka, de 1917.O texto discute a situação do homem enquanto detentor de instinto e razão, procurando demonstrar as atitudes do grande primata que dominou todas as espécies e colocou seu domínio a favor da opressão. A história de Pedro, o vermelho, macaco capturado na selva que se torna um astro do teatro, serve como pano de fundo para o questionamento do papel da evolução da espécie humana."A peça conta a história de um macaco que, para garantir seu lugar ao sol, aprendeu a ser homem e tornou-se um pop star do teatro de variedades. Os atores, ora feras amestradas, ora amestradores, cantam, tocam e sapateiam", explica a diretora Verônica Fabrini.O espetáculo da Boa Companhia está no contexto do teatro físico, em função do alto uso do trabalho corporal por parte dos atores. Além disso, a apresentação conta com recursos audiovisuais, canto e percussão ao vivo."Buscamos no diálogo entre estas três linguagens que tecem a estrutura narrativa do espetáculo transpor para a cena os temas que consideramos fundamentais no conto de Kafka: os limites entre natureza e cultura, o animal e o humano e a tensão entre liberdade e a necessidade", explica a diretora Verônica Fabrini.A peça faz parte do I Circuito Centro da Terra de Artes Cênicas, patrocinado pela Petrobras. Amanhã e sábado, o grupo apresenta Primus. No domingo, o espetáculo será Josefina, a Cantora ou o Povo dos Ratos, adaptação do conto homônimo, também de Kafka.O Festival alemão proporcionou à Boa Companhia, que tem dez anos de existência, a oportunidade de trabalhar em um projeto de intercâmbio com atores alemães. "O público poderá ver os dois primeiros espetáculos de uma trilogia que terminará com a adaptação do conto O Artista da Fome, também do autor da República Tcheca, texto escolhido para a co-produção Brasil/Alemanha", explica a diretora.Depois de São Paulo, a Boa Companhia se apresentará, em setembro, do Festival Porto Alegre Em Cena, com outro espetáculo de seu repertório, Banqete (de Qorpo Santo) e em outubro e novembro fará uma excursão de dois meses por seis estados do Brasil pelo Projeto Palco Giratório, do Sesc Nacional com o espetáculo Primus.Primus: sexta e sábado, às 21 horas; Josefina, a Cantora: domingo, às 21 horas. Ingressos: R$ 20,00 (estudante R$ 10,00). Teatro Centro da Terra: Rua Piracuama, 19, Sumaré, São Paulo. Telefone: (11) 3675 1595.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.