Gravação do casamento de príncipe William estará na Internet

LONDRES (Reuters Life!) - Uma gravação oficial do casamento real entre o príncipe William e Kate Middleton, no dia 29 de abril, estará disponível para ser baixada da Internet poucas horas depois do fim da cerimônia.

REUTERS

23 de março de 2011 | 09h39

A Decca Records, parte da gravadora Universal Music que também divulgou gravações do casamento do príncipe Charles em 1981 e do funeral da princesa Diana em 1997, estará gravando as núpcias para vender via Internet e depois lançará um vídeo oficial da cerimônia de casamento em 5 de maio.

O álbum do casamento vai incluir um livreto contendo a programação da cerimônia, leituras, votos e bênçãos, além de todas as músicas. O formato de lançamento será o download digital, CD, vinil e fita cassete para satisfazer todos os consumidores.

A cerimônia será lançada digitalmente pela Decca nas principais plataformas de download e streaming imediatamente depois do evento na Abadia de Westminster, em Londres.

"Graças à tecnologia digital poderemos fornecer a gravação para o mundo quase que instantaneamente -- será o mais rápido que já divulgamos um álbum desse prestígio", disse David Joseph, presidente-executivo da Universal Music UK.

Entre os músicos já confirmados para se apresentar na cerimônia estão o Coral da Abadia de Westminster, o Coro da Capela Real, a Orquestra de Câmara de Londres e a Equipe de Trombetas da Banda Central da Força Aérea Real britânica.

Os corais serão conduzidos por James O'Donnell e a Orquestra de Câmara de Londres será regida por seu diretor de música e maestro principal Christopher Warren-Green.

A expectativa é de que centenas de milhares de pessoas sintonizem para assistir ao casamento no próximo mês, e a Decca prevê que o álbum ter sucesso nas paradas digitais pelo mundo.

(Reportagem de Mike Collett-White)

Tudo o que sabemos sobre:
GENTECASAMENTOREALONLINE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.