Grande mostra de Picasso, em Milão

Uma grande retrospectiva com toda trajetória do pintor espanhol Pablo Picasso será exporta em Milão a partir do dia 15 de setembro, 48 anos após a última exposição de sua obra naquela cidade italiana. Picasso, 200 Obras-primas desde 1898 a 1972 é o título da mostra que será inaugurada no Palácio Real de Milão. Um total de 227 óleos, desenhos e esculturas recriarão na capital milanesa o inimitável universo do pintor e seu percurso, desde sua etapa de formação até o apogeu cubista, passando por seus conhecidos períodos "Azul" e "Rosa".A maior parte das obras (151) pertence aos herdeiros do pintor, 55 são de coleções particulares (55) e o restante foi cedido por 21 museus de todo o mundo. Sob a direção de Bernice Rosa e com a colaboração de Bernard Ruiz Picasso e Paloma Picasso, a exposição foi concebida como uma análise cronológica do repertório do artista para mostrar os principais passos de sua evolução criativa e seu compromisso estético.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.