Governo comprará 4 milhões de livros

A secretária da Educação do Estado de São Paulo, Rose Neubauer, anunciou hoje à tarde durante entrevista coletiva na 10.ª Bienal do Livro do Rio de Janeiro, a criação de um programa para a aquisição de aproximadamente 4 milhões de livros paradidáticos para as 3 mil escolas da rede pública de ensino. Neste primeiro ano, a Secretaria vai investir R$ 20 milhões no programa. A quantidade de livros para cada escola vai depender de seu número de alunos, mas a secretária estima que, em média, cada unidade deverá receber cerca de 1.300 livros. Os títulos serão escolhidos pelos próprios professores num site (www.educacao.sp.gov.br) que a Secretaria da Educação lançará no próximo dia 29, terça-feira. Os professores da rede estadual terão 15 dias para pesquisar o acervo de livros e requisitá-los para que a Secretaria negocie sua compra com as editoras. O Estado de São Paulo tem cerca de 2 milhões de estudantes matriculados ensino médio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.