Golpe da 'formiga afrodisíaca' lesa milhares na China

Milhares de pessoas cercaram naquarta-feira prédios públicos de uma cidade no nordeste daChina para pedir ajuda das autoridades depois de serem lesadasnum esquema de criação de formigas para a produção de um tônicoafrodisíaco. A situação foi controlada em seguida. A fraude lesou milhares de investidores da provínciaindustrial de Liaoning, que se mobilizaram para mostrar suaindignação em torno de prédios públicos de Shenyang, a capitalregional. "O governo provincial dedicou grande atenção a estasituação", disse à Reuters Zhang Yunqiang, diretor depropaganda do governo regional. "O cerco ao gabinete foigradualmente atenuado." Os investidores -- muitos deles ex-funcionários defazendas, vítimas de cortes de pessoal -- colocaram suaseconomias no Grupo Yilishen, de Shenyang, que dizia criarformigas para extrair ingredientes para um compostoafrodisíaco. Para cada 10 mil yuans (1.350 dólares) pagos à empresa como"depósito", a companhia prometia um dividendo de 3.250 yuans. Mas desde outubro a empresa atrasou duas vezes o pagamentode tais dividendos, alimentando temores dos investidores de queo Yilishen esteja quase falido ou que o governo tenha congeladoseu patrimônio. A empresa não foi localizada para comentar. A imprensa diz que o esquema recolheu mais de 10 bilhões deyuans de centenas de milhares de moradores de Liaoning. Algumasreportagens dizem que as formigas eram um mero pretexto para umgolpe.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.