GNT cria festival para documentários

O gênero documentário pode ganhar da televisão por assinatura uma espécie de festival para incentivar a produção brasileira. O canal pago GNT planeja a realização de um evento exclusivo sobre o assunto, no fim do ano, a ser realizado no Rio de Janeiro. Nele, o GNT reunirá roteiristas, diretores, produtores e compradores internacionais de documentários, tanto do Brasil como do exterior. O evento terá duração de três dias.A idéia é fazer uma espécie de Sundance do documentário, numa alusão ao festival do cinema independente realizado todo ano nos Estados Unidos e idealizado pelo ator americano Robert Redford. O evento será composto por filmes, oficinas de roteiro e negócios, muitos negócios.Vendas - O principal interesse do GNT é atrair produtores internacionais para aumentar o número de projetos realizados em parceria. O canal é um forte estimulador do gênero no País e teve participação direta na realização de documentários nacionais de peso, como a série Futebol, de João Moreira Salles, exibido em 1998.Atualmente, documentários formam a base da programação do canal pago do grupo Globo. De toda a produção que o GNT exibe, cerca de 35% é composta de documentários realizados no Brasil. O canal é exibido na operadora Net e no sistema digital do grupo Globo, o Sky.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.