Globo vigia seu cast no Twitter nas eleições

O boom das mídias sociais, como o Twitter, fez a Globo aumentar a "sentinela" em cima de seu elenco no período eleitoral deste ano. Tanto é que a rede acrescentou uma recomendação a mais em sua famosa cartilha/manual de conduta e restrições para jornalistas e profissionais da emissora durante a fase de eleições. Além das já conhecidas regras que restringem piadas, citações e aparições de candidatos na programação, e afastam do ar artistas e profissionais engajados em campanhas (de 1.º de julho a 31 de outubro), a rede proibiu todo seu cast e diretores de manifestar, "inclusive através de mídias sociais", qualquer tipo de apoio a candidatos, partidos e coligações.

Keila Jimenez, keila.jimenez@grupoestado.com.br, O Estado de S.Paulo

04 de agosto de 2010 | 00h00

1,4 milhão de visitas teve o site de Passione, da Globo, em 28 de julho, dia em que Totó (Tony Ramos) quase desmascarou Clara (Mariana Ximenes)

"Justus, você alguma vez na vida já viu um pobre?", Mônica Iozzi, no CQC, anteontem, em um evento de doação de agasalhos promovido pelo empresário/apresentador

A Record inicia hoje uma bateria de testes em São Paulo para a escolha do elenco de Rebelde. Serão, ao todo, 500 testes, de atores já pré-selecionados no Rio e em São Paulo, de onde sairão os seis integrantes da banda Rebelde e outros nomes do elenco.

A adaptadora de Rebelde, Margareth Boury, já entregou cinco capítulos escritos à Record.

Seguindo as séries americanas, a nova temporada de Aline, na Globo, terá um episódio todo musical. Foi assim com House, Scrubs e Fringe.

André Trigueiro e Carlos Monforte receberão no Jornal das Dez, da Globo News, os candidatos à Presidência: dia 9, Dilma Rousseff, dia 10, Marina Silva, e dia 11, José Serra.

Será no Via Funchal a final de Ídolos da Record. No ano passado, a emissora encerrou a atração no teatro Bradesco, irritando o patrocinador oficial da edição, o Banco do Brasil. O nome do teatro foi proibido de aparecer no evento.

Klara Castanho, a pentelha Rafaela de Viver a Vida, será a grande estrela do Criança Esperança deste ano, funcionará como âncora da festa, que vai ao ar no dia 14.

Sucesso no YouTube o vídeo de uma espécie de "Aprendiz" com mulatas comandado por Silvio Luiz e João Dória Jr. nos anos 80.

Tribunal Superior Eleitoral (TSE) resolveu refrescar a memória das emissoras de TV. Publicou ontem em seu site normas que proíbem, durante o período eleitoral, atrações e jornalísticos de realizarem trucagem e montagem - imitações - envolvendo a imagem de candidatos no período. O CQC, na noite de segunda-feira, mostrou ter recebido o recado antecipado.

Busão do Brasil, novo reality da Band, ainda não decolou. Vem registrando 1,5 ponto de ibope.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.