Imagem Cristina Padiglione
Colunista
Cristina Padiglione
Conteúdo Exclusivo para Assinante

Globo tira Vídeo Show do piloto automático

A MTV Brasil terá direito a mais uma grande celebração por seu histórico, agora pelas mãos de Lallo Amaral, que assinava as festas em torno do VMB, o Video Music Brasil. Restrito a convidados, o evento está marcado para 16 de outubro, no ex-cine Metrópole, e conta com a bênção de Giancarlo Civita.

Cristina Padiglione, O Estado de S.Paulo

30 Setembro 2013 | 02h17

E além de Zico Goes, diretor de programação da MTV Brasil - que planeja lançar um livro só com base nos relatos dos ex-VJs que passaram pelo My MTV desde agosto, contando sua história no canal -, outros ex-funcionários também já têm linhas ensaiadas para lançar seus relatos em livro.

Cena datada. A Cultura reprisa a partir de domingo, às 15 h, a série Confissões de Adolescente, produção independente de Daniel Filho. Muito feliz para a época (1994), o roteiro traz conflitos impensáveis hoje.

Datada 2. O pai se irrita com a filha que passa muito tempo ao telefone porque a conta sairá alta e ninguém mais consegue falar em casa. Adolescentes como as da série, hoje, superlotam Skype e afins, sem dizer que os celulares agora se multiplicam e telefone fixo não está só.

No quesito naftalina, a boa do dia fica com a estreia de Água Viva no Viva, à 0 h. De Gilberto Braga e Manoel Carlos, a novela inaugura as longas sequências de cena fora do estúdio e traz o primeiro topless das novelas brasileiras.

Guiness. Com 1,2 milhão de candidatos - 500 mil só do Brasil - o quiz da Fox Sports, Futebol Paixão, garante seu lugar no Livro dos Recordes como programa do gênero com o maior número de concorrentes.

Guiness 2. O alto número de brasileiros no Futebol Paixão rendeu uma edição só de conterrâneos, pilotada por Edu Elias, exibida anteontem. No próximo sábado, ele divide a bola com a mexicana Tânia Rincón e o argentino Queijeiro.

Céu é uma das 13 cantoras que revisitam a obra de Vinicius de Moraes na nova temporada da série Cantoras do Brasil, que estreia nesta sexta, no Canal Brasil. Faz parte do pacote de tributos que a emissora presta ao centenário do poetinha em outubro.

A ida de Zeca Camargo para o Vídeo Show visa à valorização de um programa que vinha funcionando no piloto automático há anos. Já não basta pegar carona no carrinho elétrico do Projac para conversar com o galã da novela. Desde a recente troca de direção, de Boninho para Ricardo Waddington, a pauta e o formato vêm sendo repensados. Até plateia pode surgir no novo modelo, fazendo de Zeca a Fátima Bernardes das tardes da Globo. A ordem é tratar o produto como peça estratégica na divulgação da programação e como alavanca para o ibope vespertino. Zeca se despediu ontem do Fantástico e já vem gravando testes para o novo Vídeo Show.

Mais conteúdo sobre:
Cristina Padiglione

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.