Glamourosa, começa a Semana de Moda de Londres

A alta costura encontrou o glamour do tapete vermelho no início da Semana de Moda de Londres, que teve ares de festa de cinema, ontem. A coleção de outono-inverno da estilista Julien Macdonald foi o ponto alto do primeiro dia do calendário da moda londrino, revelando uma coleção que deu ênfase para peles e cristais.Mas o vestido que roubou a cena no desfile de Macdonald já havia tido sua noite de gala na entrega do BAFTA - British Academy Film Awards - na noite anterior. A atriz de Hollywood Juliette Lewis vestiu um vestido de georgete de seda bordô com detalhes em pena na cerimônia de entrega do prêmio na noite de sábado. O vestido, bordado com cristais Swarovski, e avaliado em 25 mil libras (quase R$ 122 mil), foi uma das peças exibidas no desfile de Macdonald.A estilista Camilla Staerk mostrou sua primeira coleção masculina, inspirada no astro australiano do rock Nick Cave, que mora na Inglaterra com a mulher, Susie Bick, que foi modelo de Vivienne Westwood.Os ternos variam do preto ao azul escuro e o visual se completa com camisas estreitas e gravatas finas. A mulher de Staerk veio inspirada no filme francês La Maitresse, sobre uma mulher que leva uma vida dupla. Ela levou às modelos à passarela com vestidos com longas mangas em estilo dos anos 1940, saias com cintura alta, entre outros modelos.Partindo de onde a semana de moda de Nova York parou na semana passada, a Fashion Week de Londres, que vai até quinta-feira, terá 47 desfiles e espera atrair 4.500 compradores, jornalistas de moda e fotógrafos. O evento, que acontece duas vezes por ano em Londres, traz menos supermodelos e grifes de grande nome e mais estilistas pouco convencionais e inovadores.Os organizadores do evento estão se focalizando este ano nos novos talentos e na fusão entre arte e moda. Eles convidaram a controversa artista britânica Tracey Emin, famosa por peças como uma cama desfeita e suja, para criar uma instalação de arte: um cartaz de neon pink com os dizeres "Kiss Me" (Me Beije), numa aposta para expandir o evento para além da moda.Nos últimos anos, estilistas de renome como Stella McCartney e Alexander McQueen decidiram exibir suas coleções em Nova York, Milão e Paris. Uma omissão que se destaca este ano foi da grife Boudicca, que decidiu desfilar em Nova York na semana passada. "Escolhemos Nova York porque a América é nosso principal mercado", disseram os estilistas Zowie Broach e Brian Kirkby.Mas nomes como Nicole Farhi, Jasper Conran,Betty Jackson e Margaret Howell, ainda podem atrair a atenção dos compradores no final da semana.

Agencia Estado,

14 de fevereiro de 2005 | 16h27

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.