Gisele é o ponto alto do quarto dia de Fashion Rio

Empurra-empurra, gente pedindo convite e filas gigantescas em frente ao salão Corcovado do Fashion Rio. Todos com um único objetivo: ver a top Gisele Bündchen, que encerrou o quarto e penúltimo dia de desfiles do Fashion Rio no Museu de Arte Moderna (MAM) pela grife catarinense Colcci. A modelo, de 1,79 metro e 54 quilos muito bem distribuídos, apareceu três vezes na passarela para deleite do público, que assobiava e aplaudia a cada passo dela. De acordo com a assessoria de imprensa da grife, Gisele não desfilava no Rio havia 8 anos.A modelo de Horizontina (RS) chegou ao MAM por volta das 19h30 e foi direto para o camarim. Edinho Vasques, diretor de marketing da Colcci informou que o "namoro" para trazer a top como atração da grife durou um ano e dois meses. "É a primeira vez que ela desfila para a Colcci, e há oito anos não desfilava no Rio", disse ele, pelo telefone.Perguntado se Gisele fez alguma exigência no camarim, ele riu e, do outro lado linha, a top reclamou, em tom de brincadeira: "O ar está muito frio." Ela abriu o desfile de moda jovem da Colcci, grife de Brusque, Santa Catarina, usando calça jeans, cinto de metal e fita na cabeça. Apareceu também com um mini short, barriga de fora e casaquinho rosa. Por fim, veio de calça jeans, bata e estola lilás. Ao contrário das outras modelos, sempre sérias, Gisele sorria e agradecia a atenção da platéia. Assistindo ao desfile estavam atrizes como Letícia Spiler, Suzana Werner, e Lívia Stellman.A estilista Lila Colzani, que foi aplaudida de pé, trouxe uma coleção casual para homens e mulheres. As diferentes formas de jeans combinavam com casacos de malha ou blusas de cetim.

Agencia Estado,

14 de janeiro de 2005 | 23h20

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.