Gisele Bündchen processa estilista

Segundo o jornal italiano Il Nuovo, Gisele Bündchenvai processar o estilista Ken Courtney, do Brooklyn, em NovaYork, por causa das camisetas I Fucked Gisele (em linguagemmais branda, eu transei com Gisele). De acordo com a colunade fofocas online Chic Happens, a agência que representa abrasileira, a IMG, nega que haja um processo. A camiseta é parteda linha Just Another Rich Kid: a fashion victim que quisercomprá-las pode escolher também entre dizer que já teve relaçõessexuais com a socialite teen Paris Hilton, a editora daVogue americana Anna Wintour e o cantor do grupoFischerspooner, Casey Spooner, entre outros.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.