Gil abre mostra de Pierre Verger em Berlim

O ministro da cultura Gilberto Gil participou da abertura da exposição retrospectiva do fotógrafo francês Pierre Verger (1902-1996) sobre a cultura afro-brasileira em especial e as culturas africanas na América. A mostra Deuses Negros no Exílio foi aberta nesta quarta-feira no Museu Etnológico de Berlim, com mais de 300 fotos de Verger e um painel fotográfico do artista brasileiro Mario Cravo Neto. Para Gil, Pierre Verger foi "um dos nomes mais importantes da fotografia moderna" para a América Latina mas era relativamente desconhecido na Europa. Verger viajou pelos cinco continentes como repórter fotógrafico e viveu cinqüenta anos em Salvador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.